Cinco dicas para diminuir custos e aumentar os lucros na área médica através do empreendedorismo


Cinco dicas para diminuir custos e aumentar os lucros na área médica através do empreendedorismo

Empreender é excelente, e permite um crescimento bastante amplo para quem se arrisca. Na área médica não é diferente. Hoje em dia há dois grupos de médicos empreendedores. O primeiro grupo, é composto por médicos que decidem empreender e abrem o próprio consultório ou até mesmo uma clínica médica. O segundo grupo é composto por médicos que fazem plantões em outras clínicas e hospitais e para receberem, precisam emitir notas fiscais, para tanto, são orientados a obter um CNPJ.

Este artigo é direcionado ao segundo grupo, entretanto, as dicas servem para ambos.

A prática de exigir que médicos obtenham CNPJ e emitam nota para que recebam os plantões que realizam é bastante comum, e as clínicas e hospitais estão adotando a prática da terceirização pois assim, evitam os altos custos advindos de encargos trabalhistas que são obrigatórios na contratação de funcionários. Então se você pretende montar uma clínica, esta é uma dica valiosa e lícita.

Mas como ficam os médicos que precisam abrir a empresa para que possam fazer os plantões e consultas e receber seus pagamentos?

Neste momento começam a surgir muitas dúvidas, entre elas, por onde começar e que tipo de empresa abrir. Se você está neste estágio eu recomendo a leitura do artigo “Como abrir empresa de Serviços Médicos", é só clicar aqui que você será direcionado.

Além de saber que tipo de empresa abrir, os profissionais da área médica também precisam estar atentos a outros detalhes, para tanto, seguem cinco dicas essenciais para você médico que está iniciando na área do empreendedorismo.

1 – Planejamento

Para todo e qualquer objetivo que se tenha, é necessário também um bom planejamento. Para profissionais da área da saúde, é necessário se planejar quanto ao local que será utilizado como domicílio fiscal, já que o mesmo prestará os serviços em outros locais, e ainda verificar os gastos que serão gerados com o processo de abertura da empresa, que envolve honorários contábeis e taxas nos órgãos como Junta Comercial, Receita Federal e Prefeitura Municipal. Além desses gastos iniciais, é importante que seja feito também um orçamento relativo aos honorários para o acompanhamento mensal de um escritório de contabilidade, isto porque a partir do momento em que ocorre a abertura de uma empresa, esta passa a ter diversas obrigações com os órgãos governamentais, no que se refere a informações e declarações obrigatórias mensais e anuais, bem como para cuidar da parte fiscal da empresa, através do envio das guias para recolhimento dos impostos.

2 – Análise Tributária

A análise Tributária é algo indispensável para profissionais da saúde que atuam como empreendedores, e ela deve estar incluída dentro do planejamento inicial.

Com a análise Tributária, será possível identificar qual o regime tributário mais adequado e mais econômico. Para isso, será levado em consideração a média de faturamento que a nova empresa obterá mensalmente, e ainda se haverá a contratação de funcionários. Os regimes tributários nos quais é possível enquadrar a empresa são basicamente três: Simples Nacional, que oferece dois tipos de tributação (Anexo V e Anexo III), o Lucro Presumido e Lucro Real. O que ocorre é que não dá para afirmar com total certeza qual deles proporcionará ao médico empreendedor maior economia, sem antes saber detalhadamente as individualidades da empresa. Somente uma análise tributária minuciosa poderá demonstrar, e esta deve ser repetida de tempos em tempos, a fim de verificar se o regime tributário escolhido continua sendo vantajoso para a empresa, para tanto, é de suma importância os conhecimentos de uma contabilidade especialista na área médica. Se você quer saber um pouco mais a respeito deste assunto, clique aqui e leia nosso artigo “Profissionais da área da saúde: Atuar como Pessoa Física ou Abrir uma Empresa? O que é mais vantajoso? 

3 – Contabilidade Especializada

Na área médica, muitas das vezes é necessário buscar um especialista em determinadas áreas da saúde para que tenhamos um diagnóstico preciso e um acompanhamento adequado. Da mesma forma, ao escolher um escritório de contabilidade para atender os profissionais da saúde, é muito importante optar por um escritório que seja especialista na contabilidade para médicos e profissionais da saúde em geral, isto porque a legislação é diferente para estes profissionais, e os benefícios oferecidos podem ser melhor aproveitado, gerando economia significativa na tributação, algo que um escritório que não busca especializar na área em questão, pode não estar preparado para oferecer.

4 – Gestão Financeira

Uma boa gestão financeira traz benefícios em todos os sentidos tanto na vida pessoal como na área empresarial. Quanto um médico se torna também um empresário, é importantíssimo que haja um acompanhamento cuidadoso na área financeira. Para isso, é necessário um cuidado especial, de preferência separando os custos e despesas empresariais das despesas pessoais, ainda que este profissional atue sozinho na empresa. Como já foi demonstrado, manter uma empresa exige acompanhamento bem como o recolhimento dos impostos. Uma má gestão pode comprometer as finanças, gerando atrasos e o acúmulo de dívidas que se tornam gigantescas através do acúmulo de multas e juros. É necessário saber exatamente quais são os custos para manter a empresa, e jamais destinar os valores necessários para suprir tais despesas para outras áreas ou para gastos pessoais. Sendo assim, mantenha uma planilha organizada ou um sistema financeiro, que permita o total controle das finanças da empresa, e faça sua retirada de pró-labore e lucros sem comprometer a empresa.

5 – Licitações de Credenciamento

Se você deseja também ter maiores ganhos e crescimento na área da saúde, esta é uma dica valiosa. Órgãos Governamentais constantemente publicam licitações de credenciamento para profissionais da saúde. Você pode pesquisar e encontrar os editais disponíveis em todo Brasil, analisar esses editais, e fazer o seu credenciamento através do envio de toda documentação exigida no edital. Ao ser selecionado, a empresa ou o profissional passa a ter um contrato com o órgão, onde o mesmo realizará as consultas ou plantões e receberá o pagamento através da emissão das notas fiscais, tudo firmado em contrato. Geralmente a vigência de tais contratos são de 12 meses, mas na maioria dos casos, tais contratos podem ser renovados por até 60 meses. Esta é uma oportunidade de ganhos muito bons, para quem está começando na área ou buscando crescimento, é uma excelente iniciativa.

A Realizy Contabilidade oferece assessoria específica para médicos que queiram participar de licitações de credenciamento, caso tenha se interessado e não saiba como participar, basta entrar em contato conosco enviando-nos um e-mail para contato@realizycontabilidade.com, ou ainda uma mensagem pelo WhatsApp clicando no link localizado na parte inferior à direita do nosso site.

Caso você ainda tenha dúvidas ou deseja fazer uma análise tributária, entre em contato agora mesmo, será um prazer atender você.

A Realizy é especialista em contabilidade para médicos e pode atender você independente da cidade onde você está localizado, pois oferecemos uma contabilidade online e digital, com uma plataforma exclusiva para clientes, preço justo e ainda com sistema de gestão financeiro gratuito.

Se você ainda não abriu a sua empresa, a Realizy pode fazer a abertura para você de forma gratuita, basta clicar aqui e preencher o formulário fazendo a solicitação. 

Caso você já tenha sua empresa aberta e deseja migrar para a Realizy Contabilidade e ter todas as vantagens ao seu dispor, é só clicar aqui e migrar a sua empresa. Você vai ter muito mais economia a ainda terá o primeiro mês gratuito!

Realizy Contabilidade

Realizando muito mais por você!